A parábola da pérola de grande valor (Mateus 13:45-46)

#Estudo #Esboço #Explicação #O que é #Comentário #Significado #Sermão #Pregação #Mensagem #Palavra #Meditação #Devocional #Catequese #Versículos #Bíblia #Evangelho #Evangélico #Evangélica #Cristão #Cristo #Jesus #Deus #Riquezas #Dinheiro #Mamon #Pérola #Pureza #Santidade #Salvação

"O reino dos céus é também semelhante a um que negocia e procura boas pérolas; e, tendo achado uma pérola de grande valor, vende tudo o que possui e a compra" Mateus 13:45-46.

Hoje falaremos de uma pequena parábola que encontramos no capítulo 13 de Mateus. Ela apenas é encontrada neste evangelho na bíblia, além de também aparecer no evangelho apócrifo de Tomé. Esta que é uma parábola muito pequena e interessante. Ela parece ser simples, mas nos mostra uma realidade no Reino de Deus que não pode ser mudada. Eu cheguei até esta parábola ao meditar e escrever sobre os puros de coração (clique aqui para ler) e fiquei maravilhado com a profundidade prática destas poucas palavras.

A parábola nos mostra um princípio do evangelho, que para adquirirmos o reino dos céus precisamos vender tudo que possuímos. Isto pode parecer simples, mas é o princípio da pureza. É impossível ser puro se em nossa vida ainda restam pedras que retém a luz poderosa de Deus. Igualmente para adquirirmos a plenitude do reino devemos entregar tudo o que possuímos. Seja nossa vida subjetiva, nossas escolhas, nosso ego, nosso ministério, nossos sonhos, nossas ideias, nossas decisões, o nosso emprego, nossos bens, todo nosso dinheiro e até o nosso casamento. E se houver algo que me esqueci de mencionar isso também deve ser entregue e vendido para que alcancemos o reino de Deus.

Mas é interessante que a parábola exemplifica que devemos vender todos os nossos bens. E é aí que essa história fica séria. Vemos que noutra passagem bíblica Jesus praticou essa parábola. Nesta ocasião chegou até Jesus um jovem rico que buscava o reino de Deus. Durante a conversa que ele teve com Jesus ele mencionou que observava a lei desde a sua mocidade. Mas ainda faltava uma coisa para alcançar o reino. Veja o que Jesus lhe disse: "Só uma coisa te falta: Vai, vende tudo o que tens, dá-o aos pobres e terás um tesouro no céu; então, vem e segue-me" Marcos 10:21.

Para alcançarmos o reino dos céus não basta ter boas intenções, dar o dízimo e nos reunir com os irmãos no culto de Domingo. Precisamos abrir mão da nossa vida completamente para ter um tesouro no céu. O grande problema desta parábola é que ela causa em nós um sentimento parecido com o do jovem rico. Quando ele ouviu estas palavras de Jesus ele se entristeceu e saiu da sua presença. Hoje em dia o nosso problema é que relativizamos a palavra de Deus. Ao invés de entender esta parábola de forma literal e prática a entendemos de forma figurada e filosófica. É por isso que a palavra em nós está morta! Eu lhes afirmo que tudo isto deveria ser praticado pelos irmãos que, na maioria das vezes estão entregues à vaidade. Peça aos irmãos para vender tudo que eles possuem e assim verá quantos são o verdadeiro rebanho do nosso Senhor Jesus. Enquanto relativizarmos a palavra em prol da nossa própria vontade não alcançaremos coisa alguma.

Estas coisas são tão antigas quanto a humanidade. Veja no versículo abaixo um provérbio que trata sobre estas coisas: "Não te fatigues para seres rico; não apliques nisso a tua inteligência. Porventura, fitarás os olhos naquilo que não é nada? Pois, certamente, a riqueza fará para si asas, como a águia que voa pelos céus" Provérbios 23:4-5. Infelizmente este versículo é muito atual para a nossa geração. Vivemos uma geração que se fadiga em prol da riqueza e da vaidade. Mesmo os pastores, que deveriam ser o exemplo, estão por aí em seus carros luxuosos e suas mansões milionárias. E o pior de tudo é que fazem isso com o dízimo dos irmãos. Será que isto tudo está certo? O evangelho em nenhum momento nos diz que teremos riquezas nesta terra. Pelo contrário! O verdadeiro evangelho nos diz: "[...] quem quiser salvar a sua vida perdê-la-á; quem perder a vida por minha causa, esse a salvará" Lucas 9:24.

Vivemos os últimos dias nesta terra. Logo virá o Senhor Jesus levar aqueles que são seus. O seu arrebatamento não tarda. Passou da hora de tratarmos o evangelho como a verdade em nossas vidas. Chega de filosofias, discussões e teologias eternas! Precisamos de vida, realidade e poder de Deus nestes dias que vivemos. Negue a religião e a mentira e levante-se como trombeta do Senhor nos nossos dias! Aguardamos a sua vinda Jesus! Maranata! Vem Senhor Jesus!

Comentários