Quais são os decretos de Deus?

#Estudo #Esboço #Explicação #O que é #Significado #Bíblia #Escritura #Jesus #Deus #Evangelho #Sermão #Meditação #Palavra #Devocional #Princípios #Fundamento Cristão #Decretos de Deus #Predestinação #Efésios 1 #Fundamentos Cristãos

O tema do ensino de hoje é: Quais são os decretos de Deus? Trataremos sobre quais são os decretos que Deus liberou para nós.

"Nele, digo, em quem também fomos feitos herança, havendo sido predestinados, conforme o propósito daquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade; Com o fim de sermos para louvor da sua glória, nós os que primeiro esperamos em Cristo" Efésios 1:11-12.

Os decretos de Deus são o Seu propósito eterno de acordo com o concelho da Sua própria vontade, que para sua própria glória ele preordenou tudo que vier a passar. Difícil entender? Então vamos por partes.

 O que é um decreto? 

O dicionário online Priberam define decreto da seguinte forma: deliberação superior que obriga à observância. Isso significa que o decreto de Deus é a sua vontade, as deliberações que encontramos nas escrituras.

 Qual é o propósito de Deus? 

Deus deseja cumprir completamente sua vontade e o fará independentemente das nossas atitudes. Entretanto, se queremos andar conforme filhos de Deus, devemos atentar cuidadosamente para que não venhamos a ser encontrados como aqueles que são inimigos da cruz de Cristo. Isso porque tudo aquilo que não é a vontade de Deus é contrário à sua vontade.

Neste sentido, quando falamos acerca da vontade de Deus, entendemos que Ele têm uma vontade especifica para cada um de nós e um plano bem detalhado. De forma generalista, entretanto, a vontade Deus é "que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia" (João 6:39). Esta frase parece simples, mas deve guiar a nossa vida, ministério e atitudes.

 O que é o concelho da Sua vontade? 

No último estudo nós vimos quantas pessoas há na Trindade, motivo este de vermos que Deus se aconselha consigo mesmo. A vontade de Deus não é apenas do Pai. Mas é do Pai, do Filho e do Espírito e eles cooperam entre si constantemente para que Sua vontade seja completamente cumprida.

 Como Deus predestinou todas as coisas? 

Existe muita discussão acerca deste ponto. Se a predestinação de Deus trata de um caminho definido e premeditado por Deus e como Ele preparou para nós esse caminho. Sabemos, entretanto, que sendo premeditado ou não, esse caminhar é santo e separado. Um caminho fora deste mundo no qual podemos hoje caminhar.

Comentários