Crer na plenitude de Jesus Cristo (João 3:36)

#Estudo #Esboço #Explicação #O que é #Comentário #Significado #Sermão #Pregação #Mensagem #Palavra #Meditação #Devocional #Catequese #Versículos #Bíblia #Evangelho #Evangélico #Evangélica #Cristão #Cristo #Jesus #Deus #João 3 #Estudo de João #Vida Eterna #Filho #Ira de Deus #Evangelho de João

"Por isso, quem crê no Filho tem a vida eterna; o que, todavia, se mantém rebelde contra o Filho não verá a vida, mas sobre ele permanece a ira de Deus" João 3:36.

Uma das grandes realidade do novo testamente é a obra do Senhor Jesus por nós. Isso todo mundo sabe. O que nós esquecemos, ou simplesmente não sabemos, é que cada um de nós deve crer no Senhor Jesus. Crer em Jesus não é um ato único do passado que se torna apenas uma data na memória. Crer em Jesus é um viver diário, uma escolha cotidiana de caminhar e continuar crendo no Deus que morreu por mim. Esse texto de João expande muito o significado comum do 'crer'.

No versículo anterior Jesus diz: "O Pai ama ao Filho, e todas as coisas tem confiado às suas mãos" (João 3:35). Temos que entender de um vez por todas que TUDO está debaixo do poder do nosso Senhor Jesus. Não existe nada nem na terra, nem debaixo da terra, nem mesmo nos Céus dos céus, que não esteja sob sua autoridade. E isso muda muito a forma como cremos nele. Se entendemos que em Cristo tudo subsiste do que mais necessitamos?

Devemos crer em Jesus sabendo que Nele tudo subsiste. Infelizmente nos esquecemos que Jesus retém todas as coisas em suas mãos. Esse pode não ser um meditar muito profundo, mas uma vez que entendemos a realidade da plenitude de Cristo, a nossa vida muda completamente. As respostas que buscávamos em muitos lugares passam a ser buscadas em Jesus através da oração. As direções que tomávamos por conta própria passam a ser questionadas em oração. E mesmo as dificuldades da nossa vida que nos fadigavam com preocupações passam a ser apresentadas ao Cristo que retém todas as coisas. Ele é a cabeça do corpo que é a Igreja, a Plenitude de Deus. Aquele que a tudo enche em todas as coisas. Esse é o Deus que servimos e o Jesus em quem devemos crer. Um Senhor poderoso nas batalhas, que pode e irá responder a todos quanto O buscarem com o coração reto e verdadeiro.

Comentários