Evangelho de Mateus - José e Maria fogem para o Egito


Estudo de Mateus - Capítulo 2
José e Maria fogem para o Egito

“E, tendo eles se retirado, eis que o anjo do Senhor apareceu a José em sonhos, dizendo: Levanta-te, e toma o menino e sua mãe, e foge para o Egito, e demora-te lá até E, levantando-se ele, tomou o menino e sua mãe, de noite, e foi para o Egito.que eu te diga; porque Herodes há de procurar o menino para o matar. E esteve lá, até à morte de Herodes, para que se cumprisse o que foi dito da parte do Senhor pelo profeta, que diz: Do Egito chamei o meu Filho. Então se cumpriu o que foi dito pelo profeta Jeremias, que diz: Em Ramá se ouviu uma voz, Lamentação, choro e grande pranto: Raquel chorando os seus filhos, E não querendo ser consolada, porque já não existem. Morto, porém, Herodes, eis que o anjo do SENHOR apareceu num sonho a José no Egito” (Mateus 2:3-18).

C. José e Maria fogem para o Egito para poupar a vida de Jesus (13-18)

1. Apesar do erro dos magos uma profecia das Escrituras foi cumprida (Oséias 11:1):
O cumprimento desta profecia com relação a Cristo foi levado a cabo por Deus mediante o erro dos magos em ir para Jerusalém. Deus é soberano, mesmo sobre nossos erros.

2. Nos versos 17-18 Mateus faz referência a Jeremias 31:15. Qual é o relacionamento entre Raquel e as criancinhas que foram mortas?

Raquel, esposa de Jacó foi sepultada no caminho para Belém (Gn.35:19; 48:7). Ramá, cidade localizada no território de Benjamim (Js.18:21-28), não ficava distante do sepulcro desta. Os meninos mortes por Herodes são considerados filhos de Raquel nesta profecia poética.

D. José e Maria, logo após a morte de Herodes, trouxeram trouxeram Jesus de volta à boa terra de Israel e Ele foi criado em Nazaré, na Galiléia (19-23).

1. Pela soberana sabedoria de Deus, Cristo nasceu em Belém mas foi reconhecido como o Jesus de Nazaré. Sua genealogia, nascimento, fuga para o Egito, seu retorno para Israel, sua infância em Nazaré foi muito misterioso e confundiu os Judeus:
O título Nazareno pode referir-se ao renovo em Isaías 11:1, que em hebraico quer dizer netzer. O Renovo ali, que representa Cristo, é um ramo que sai do tronco de Jessé, Pai de Davi. Na Época em que Jesus nasceu, o trono de Davi havia sido derrubado. Isso significa que o tronco real de Davi havia sido cortado. Agora, um novo ramo brotou do tronco de Jessé e saiu de suas raízes. Esse ramo brotou e cresceu em uma situação humilhante. Ora, Jesus não nasceu numa família real reconhecida e honrada, nem cresceu numa cidade renomada em Jerusalém. Pelo contrário nasceu num lar pobre e cresceu numa cidade desprezada. Tudo isso fez dele um Nazareno, um ramo, não um ramo grandioso de árvore majestosa, mas um ramo aparentemente insignificante do toco de Jessé.

Comentários